Perfil nutricional e clínico de pacientes idosos diabéticos internados em uma instituição de média complexidade da rede pública de saúde do Distrito Federal

  • Marcela Matos Magalhães de Azevedo ESCS

Resumo

Introdução:  O diabetes caracteriza-se por um grupo de doenças metabólicas que envolvem quadro hiperglicêmico. Em relação aos idosos, pode associar-se com mais ênfase às complicações, disfunções e insuficiência de vários órgãos, comprometendo o padrão de vida do indivíduo.


Objetivos:  O objetivo do estudo foi analisar o estado nutricional, bem como traçar um breve perfil clínico geral de idosos diabéticos tipo 2 internados na clínica médica de um hospital público de média complexidade, localizado no Distrito Federal.


Métodos:  Foram consideradas as variáveis clínicas, antropométricas e as respectivas classificações disponíveis na Mini Avaliação Nutricional (MAN). Participaram da pesquisa 22 idosos, de ambos os sexos, com diagnóstico de DM tipo 2 há pelo menos 1 ano.


Resultados: O número de participantes do estudo foi maior entre os indivíduos do sexo feminino (68,18%) e a média de idade concentrou-se em 71,3 anos. O percentual encontrado para estado nutricional demonstrou que 45,45% dos participantes exibiu excesso de peso. Em relação às causas da internação, o diabetes não constava como causa principal em nenhum dos registros de prontuário. Do total de 22 idosos, 12 apresentaram fonte fidedigna no que concerne à determinação do tempo de diagnóstico, o qual permaneceu, em média, em 9,3 anos. Quanto ao tempo de internação, o período mínimo foi de 7 dias e o intervalo máximo, de 3 meses.      


Conclusão: O estudo mostrou que o sobrepeso foi o mais frequente principalmente entre os indivíduos do sexo masculino. A MAN foi sensível em avaliar risco nutricional nestes idosos com diabetes. Pode-se inferir também que, apesar de não constar como causa principal de internação, o diabetes descompensado está intimamente relacionado às causas primárias elencadas neste estudo, tais como alterações cardíacas, renais e cerebrovasculares. Contudo, mais estudos são necessários para validar esses achados incluindo maior número de idosos diabéticos, em diferentes cenários de atenção ao idoso, diferentes populações brasileiras e por meio de diferentes instrumentos avaliativos.


 


 Palavras-chave: idosos; diabetes tipo 2; perfil clínico; estado nutricional; antropometria.

Publicado
2019-04-15
Como Citar
MATOS MAGALHÃES DE AZEVEDO, Marcela. Perfil nutricional e clínico de pacientes idosos diabéticos internados em uma instituição de média complexidade da rede pública de saúde do Distrito Federal. Comunicação em Ciências da Saúde, [S.l.], v. 29, n. 02, p. 81-92, apr. 2019. ISSN 1980-5101. Disponível em: <http://www.escs.edu.br/revistaccs/index.php/comunicacaoemcienciasdasaude/article/view/259>. Acesso em: 24 june 2019.
Seção
Clínica Assistencial